Basta acreditar para ser salvo?

believe

A Bíblia nos diz o seguinte: “Mas a todos os que O receberam, que creram no Seu nome, Ele deu o direito de se tornarem filhos de Deus, os quais nasceram, não do sangue, nem da vontade da carne, nem da vontade do homem, mas de Deus ”(João 1: 12-13).

Nestes versículos existem dois verbos que são muito importantes para entender como pode se tornar um filho de Deus, o que significa que pertencerá a Ele. Esses são os verbos “receber” e “acreditar”. Não precisamos apenas crer em Jesus, mas também estar dispostos a recebê-Lo. Mas o que isso significa exatamente?

Arrependimento

A resposta a essa pergunta é simples, mas boa de lembrar e é explicada na Bíblia em Tiago: “Tu crês que há um só Deus; fazes bem. Também os demônios o crêem, e estremecem. ”(Tiago 2:19). Este versículo explica que até mesmo os demônios, quer dizer, os oponentes de Deus, acreditam em Sua existência. Além disso, o diabo conhecia a Bíblia e a vontade de Deus muito bem quando Jesus foi tentado no deserto (Mateus 4: 3-10 e Lucas 4: 3-12). Mas suas intenções eram ruins. O diabo distorceu Suas palavras. Também podemos fazer isso com Suas palavras e devemos ter cuidado para não fazê-lo.

Podemos acreditar, mas não ouvir, não praticar o que Deus quer que façamos. “Porque, assim como o corpo sem o espírito está morto, também a fé sem as obras está morta” (Tiago 2:26). Desejar receber Suas Palavras é importante não apenas para pertencer a Deus, mas também para se afastar do mal, porque todo aquele que peca é filho do diabo (1 João 3: 8).

Sua intenção

Mas como pode ser que Efésios 2: 8-10 diz que não fomos salvos pelas obras ou por nossos próprios atos, mas pela fé que foi dada por Deus? Isso parece contraditório. Para entender que isso não é contraditório, temos que olhar para a diferença entre o fariseu e o coletor de impostos na parábola em Lucas 18: 9-14.

Quando a Bíblia foi escrita, os fariseus eram exemplos para a população de Israel. Eles mostraram a todos as “boas obras” que era preciso fazer para agradar a Deus, pelo menos era o que se esperava que eles fizessem. Mas a intenção por trás de suas “boas obras” era diferente de pessoas que poderiam ser menos perceptíveis. Deus olha mais profundamente:

Mas o Senhor disse a Samuel: Não olhes para a sua aparência nem para a sua estatura, porque eu o rejeitei. Porque o Senhor não vê como o homem vê: o homem olha para o exterior, mas o Senhor vê o coração ”(1 Samuel 16: 7).

Agradar a Deus ou mais?

Deus não olhará apenas para as suas “boas obras”, mas também para a sua atitude. É para isso que Ele está olhando. Ele olha fundo no seu coração e se ele é impactado pela Sua Palavra. Ele olha para ver se sua atitude mudou. Ele pode ver tudo. Ele pode ver se somos fariseus e apenas obedecemos e fazemos boas obras ou se nosso relacionamento com Ele é mais do que isso.

Ele quer que mudemos. Ele deseja que façamos Sua vontade e O sigamos de boa vontade. Ele não quer uma relação chefe-trabalhador, Ele quer uma relação pai-filho ou marido-mulher. Ele quer que O amemos de volta e cresçamos Nele, nós queremos crescer, porque O amamos.

Cresça na direção certa

Então, definitivamente temos que fazer algo! Precisamos decidir nos concentrar em Deus e não nas coisas más. Temos que fazer essa escolha, para que possamos mostrar a Ele nosso amor. Você pode comparar isso com um relacionamento entre um marido e sua esposa.

O marido e a mulher têm a responsabilidade de demonstrar amor um ao outro. Eles não devem se concentrar nos outros, mas um no outro. Eles se escolheram uma vez, mas diariamente têm que decidir escolher um ao outro novamente para ir na direção certa. Quando o fizerem, eles crescerão em seu relacionamento e, eventualmente, se entenderão melhor. Assim é com seu relacionamento com Deus. Ele vai crescer.

Para começar, somos bebês na fé, mas se crescermos na direção certa, nos tornaremos adultos na fé. Você pode nascer de novo apenas uma vez, mas temos a decisão diária de escolher Deus e seguir a direção certa (perseverar na fé). Se realmente queremos segui-Lo e orar pela ajuda de Deus, então o Espírito Santo nos ajudará a fazer isso e nos guiará.

Porque o Senhor teu Deus é misericordioso e compassivo. Ele não desviará o rosto do que se  voltar para ele ”(2 Crônicas 30: 9 b).

Como esse ensino da Bíblia fala com você? Por favor, compartilhe seus pensamentos abaixo!

Compartilhar postagem

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email