Como posso dar frutos sendo solteiro ?

soltero

Em Gênesis 1:26-28, nós lemos a respeito de como Deus criou o homem, o abençoou, e diz  “E Deus os abençoou, e Deus lhes disse: Frutificai e multiplicai-vos, e enchei a terra, e sujeitai-a; e dominai sobre os peixes do mar e sobre as aves dos céus, e sobre todo o animal que se move sobre a terra.” Como isso se aplica se somos solteiros ou não podemos ter filhos?

Feitos à imagem de Deus

O mandamento em Gênesis 1:28 deve ser lido em seu contexto: os versos que se precedem são a respeito da criação da humanidade feita à imagem de Deus “…à imagem de Deus os criou; homem e mulher os criou.”

Seres humanos são superiores a todas as outras criaturas de Deus que nós vemos na terra, por que somos feitos à sua imagem. Não somente isso, mas Ele nos criou com as Suas mãos, e soprou em nós com o sopro de vida. A partir disso nós vemos que temos uma relação especial com Deus, a qual os animais não compartilham. Nós temos então o propósito especial de refletir a imagem de Deus em nossas vidas.

Sendo frutíferos e multiplicando

Então Deus disse a eles “frutificai e multiplicai-vos…”. Isso revela o plano e o desejo de Deus para os seres humanos.

Mas… e aqueles de nós que não são casados, não têm filhos, ou não podem ter filhos? Teria Deus nos esquecido? Estamos sendo punidos por algo? Nós deveríamos fazer tudo o possível para sermos frutíferos e nos multiplicarmos? Até se você não é cristão, é possível que você faça tudo em seu poder para ter um parceiro(a) e filhos por que é isso que todos assumem ser normal.

Ser solteiro

Se você é cristão, não há motivo para se sentir pressionado, ou sentir que ser solteiro ou não ter filhos é errado, anormal ou algo que você precise lutar para mudar. Deus tem um plano perfeito para todos os seus filhos que inclui todos os aspectos de suas vidas: educação, trabalho, família, cônjuges ou celibato.

Tomando uma visão limitada da vida, ser frutífero pode significar ter filhos. Mas na verdade é possível ser frutífero em todas as áreas de nossas vidas, e nos sentirmos completos e satisfeitos em qualquer situação que estejamos. Veja o exemplo de João 15:5 e 8: “quem está em mim, e eu nele, esse dá muito fruto; porque sem mim nada podeis fazer[…] Nisto é glorificado meu Pai, que deis muito fruto; e assim sereis meus discípulos.”

Filhos espirituais

Não somente é possível ser frutífero solteiro, é possível também multiplicar.  O mandamento de se multiplicar em Gênesis 1:28 serviu para a expansão do reino de Deus, já que haveriam mais desses humanos únicos refletindo a imagem de Deus.

Mas já que a humanidade caiu em pecado, a procriação não expande o reino de Deus “automaticamente”. A humanidade dos portadores da imagem de Deus foi distorcida. Sendo assim, o mandato de procriação dado para Adão e Eva recebeu um novo significado através da vinda de Cristo: O reino de Deus não cresce somente através da multiplicação física, mas através da multiplicação espiritual pelo discipulado (veja também Romanos 9:7 e Gálatas 3:7-9).

Um exemplo: O apostolo Paulo

Um exemplo disso é a relação entre o apostolo Paulo (que provavelmente era solteiro) e Timóteo. Eles não eram família biológica, mas Paulo chamava Timóteo de “meu filho” (2Timóteo 2:1-2) já que ele era seu mentor espiritual. E Paulo ainda considerava toda uma igreja local como seus filhos, já que ele foi o primeiro a lhes pregar o evangelho.

Em 1 Coríntios 4:14-17 ele escreve: “Não escrevo estas coisas para   vos envergonhar; mas admoesto-vos como meus filhos amados. Porque ainda que tivésseis dez mil aios em Cristo, não teríeis, contudo, muitos pais; porque eu pelo evangelho vos gerei em Jesus Cristo. Admoesto-vos, portanto, a que sejais meus imitadores. Por esta causa vos mandei Timóteo, que é meu filho amado, e fiel no Senhor, o qual vos lembrará os meus caminhos em Cristo…”

A grande comissão de todos os crentes

Paulo nos mostra como nós, tendo ou não filhos biológicos, podemos gerar e criar filhos espirituais ao proclamar o evangelho e levar outros a prosseguir na caminhada com Cristo. Foi isso que Jesus nos ordenou que fizéssemos em Mateus 28:19-20: “Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo; Ensinando-os a guardar todas as coisas que eu vos tenho mandado.”

Sendo satisfeito

Sempre haverá aqueles de nós que gostariam de estar casados, alguns gostariam de ser solteiros, alguns gostariam de ter filhos, alguns gostariam que não tivessem tido filhos. Para todos os filhos de Deus, Ele deseja que estejamos contentes em qualquer situação que estejamos. Da forma que Paulo conseguiu “Não digo isto como por necessidade, porque já aprendi a contentar-me com o que tenho.” (Filipenses 4:11).

Sendo frutífero e solteiro

Então sim, esse mandamento se aplica a todos, solteiros ou casados.  Deus deseja que todos nós sejamos frutíferos, e que encontremos satisfação na vida. Isso é possível somente quando nós conhecemos a Deus, e nos tornamos Seus filhos.  Por que aí nós podemos ter certeza de que não importa as circunstâncias da vida, Ele sempre estará no controle, e eu posso ficar em paz em qualquer situação que eu esteja. Qualquer que seja a situação-  tendo filhos biológicos, filhos adotados, solteiro ou sem filhos- Deus quer que nós sejamos frutíferos e nos multipliquemos espiritualmente.

Como esse ensinamento bíblico falou ao seu coração? Por favor, compartilhe sua opinião abaixo!

 

 

 

 

 

 

Compartilhar postagem

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email