O que Paulo quer dizer com o “espinho na carne”?

O que estava perturbando Paulo em 2 Coríntios 12:7 de tal maneira que ele continuou orando para que Deus o removesse?

Em 2 Coríntios 12:7, Paulo descreve ter um problema que ele chama de “espinho na carne”. Os estudantes da Bíblia têm lutado desde que a carta foi escrita para entender exatamente sobre o que Paulo está falando e, na verdade, provavelmente nunca saberemos.

Jesus ainda está no comando

Mesmo que os detalhes do problema não sejam conhecidos, a mensagem de Paulo é clara: Jesus ainda está no comando, mesmo que o espinho nunca tenha sido removido. O versículo 9 nos diz o que Paulo aprendeu com a experiência. Ele acreditava que Jesus estava dizendo: “A minha graça te basta, porque o meu poder se aperfeiçoa na fraqueza”.

Mensageiro de Satanás

Muitas pessoas tentaram entender o que era o “espinho na carne” de Paulo. A frase que Paulo usa descreve uma vara ou farpa afiada que está constantemente cortando o corpo de Paulo. Paulo também diz que vem de um mensageiro de Satanás. Uma interpretação óbvia é que Paulo está falando em imagens sobre seus inimigos. De fato, 2 Coríntios é uma carta onde Paulo se defende de outros líderes da igreja que ele acredita estarem enganando as pessoas com um falso evangelho e falando injustamente sobre ele. Talvez, o espinho na carne seja uma descrição de uma pessoa que está se comportando de maneira maligna em relação a Paulo.

Condição física

Outra possibilidade é que o “espinho na carne” seja uma condição física. Algumas pessoas se perguntam se o espinho de Paul significa que ele tem problemas de visão, dificuldade para falar claramente, uma doença recorrente ou alguma desfiguração facial. Todas essas situações podem ter sido socialmente constrangedoras para Paulo e fizeram seu ministério parecer “fraco” aos olhos da sociedade. Há pequenas pistas em outras cartas que sugerem algumas dessas possibilidades. Por exemplo, Gálatas 4:12-16 pode estar falando sobre o “espinho na carne” em termos de uma condição física.

Outra parte de sua vida

Finalmente, outros alegaram que Paulo está falando sobre outra parte de sua vida – o fato de ele não ter esposa ou família, infelicidade sobre sua sexualidade ou frustração pelo fato de o povo judeu não estar aceitando a Cristo. No entanto, não há nenhuma pista real para provar que essas coisas são o “espinho na carne” de Paulo.

Fosse o que fosse, a mensagem é clara para nós. Deus às vezes não remove todas as dificuldades de nossas vidas, mesmo quando pedimos. Como Paulo, um problema doloroso pode continuar todos os dias. Nesses momentos aprendemos a receber o que nos foi dado, aprendemos humildade, lembramos que somos fracos e é Jesus quem está no comando e é poderoso e capaz de operar para Sua glória.

Compartilhar postagem