Por que Jesus teve que morrer?

Quando Deus criou este mundo e seus habitantes estava cheio de vida. Deus não criou a morte, mas avisou a Adão que, quando comesse da árvore do conhecimento do bem e do mal, a morte o seguiria (Gênesis 2:17). Foi exatamente o que aconteceu quando Adão e Eva escolheram desobedecer a Deus: a morte entrou no mundo deles. Não entrou apenas no mundo deles, como afetou toda a humanidade (Romanos 5:12). Todo o ser humano nasce pecador e sujeito à morte. A morte é a conseqüência do pecado: “Porque o salário do pecado é a morte, mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna em Cristo Jesus, nosso Senhor” (Romanos 6:23).

Consequência do pecado

A morte é a conseqüência da desobediência a Deus, Aquele que nos dá a vida. Tentar compensar o pecado com boas ações nunca funcionará, porque a conseqüência do pecado é a morte. Os seres humanos não podem vencer a morte por seu próprio poder.

Deus é justo

Deus é justo em todos os Seus caminhos e isso significa que Ele dá justa penalidade quando as pessoas pecam (Deuteronômio 32: 4). Mas Deus também é gracioso e deseja perdoar o pecado (Salmo 103: 3,8). No Antigo Testamento, as pessoas que pecavam podiam trazer um animal para ser morto em vez delas (Levítico 4: 22-31). Foi a provisão de Deus para as pessoas que não são capazes de levar uma vida perfeita. Mas esses sacrifícios de animais apontavam para o sacrifício perfeito que Jesus Cristo fez de uma vez por todas.

O cordeiro perfeito

Se Jesus não tivesse vindo, esses sacrifícios teriam sido inúteis. Nenhum animal pode tirar a culpa humana – só fazia sentido porque o Messias havia sido prometido (Hebreus 10: 4). O Messias seria o Cordeiro perfeito que sofreria e morreria para que as pessoas pudessem ser salvas de seus pecados (Hebreus 10: 10-12). Jesus era sem pecado e, portanto, preenchia os requisitos para levar o pecado do mundo.

Jesus pagou com sua vida

Deus enviou Seu Filho a este mundo para que Jesus pudesse levar todos os pecados da humanidade e pagar por eles (1 João 2: 1,2). Visto que a morte é o salário do pecado, Jesus teve que pagar com Sua vida. Jesus sabia de antemão que era isso que Ele tinha que fazer (exemplo, Mateus 16:21). Ele temia tanto o sofrimento e a morte que iria sofrer, que até orou a Deus para que O poupasse deles. Mas Ele Se submeteu à vontade de Seu Pai, e essa vontade era que Jesus pagasse pelos pecados do mundo (Mateus 26:39). Não há outra maneira de a humanidade se reconciliar com Deus! (1 Timóteo 2: 5,6; Romanos 5:10; 2 Coríntios 5:20; Colossenses 1: 21,22)

Como esta passagem da Bíblia fala com você? Por favor, compartilhe seus pensamentos abaixo!

Leia também Jesus realmente ressuscitou dentre os mortos?

Compartilhar postagem

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email