Quem é Jesus?

Jesus é uma pessoa famosa na história, vamos descobrir quem Ele é.

Ele é Deus

O Deus em que os cristãos acreditam existia antes de qualquer outra coisa e Ele criou o mundo e tudo nele e Ele está vigiando. Jesus é igual a Deus, e é Deus e por isso também fez todas essas coisas. “No princípio era o Verbo, e o Verbo estava com Deus, e o Verbo era Deus. Todas as coisas foram feitas por meio dele, e sem ele nada do que foi feito se fez ”(João 1: 1-3). “Ele é a imagem do Deus invisível, o primogênito de toda a criação. Pois por Ele todas as coisas foram criadas, no céu e na terra, visíveis e invisíveis, sejam tronos ou domínios, ou governantes ou autoridades, todas as coisas foram criadas através Dele e para Ele. E ele está diante de todas as coisas, e Nele todas as coisas se mantêm ”(Colossenses 1: 15-17).

As pessoas falharam na obediência a Deus

Depois que o mundo foi criado (e Deus viu que era muito bom – Gênesis 1:31), foi Deus quem fez as regras pelas quais devemos viver e Deus disse que o castigo pela desobediência a Deus é a morte. Os seres humanos desobedeceram a Deus e, embora não morressem imediatamente, seus corpos começaram a envelhecer e eles morreram. Toda a pessoa nascida neste mundo morrerá e estamos separados de Deus para todo o sempre, chamamos isso de eternidade.

Deus tem um plano

Deus ama a todos, porque Elen os criou, Ele nos observa desde o momento em que estamos no ventre de nossa mãe, e Ele não quer que sejamos separados para sempre. Mas Suas regras precisam ser obedecidas, então Ele planejou uma maneira de que nossa rebelião (pecado) pudesse ser punida, para que pudéssemos passar a eternidade com Ele.

Jesus é o plano de Deus para nos salvar

Seu plano era que uma pessoa que nunca se rebelou contra Deus recebesse o castigo de todos e nos salvasse da eterna separação de Deus. É por isso que Jesus veio à terra. “Porque todos pecaram e caíram da glória de Deus, e são justificados por Sua graça como dom, pela redenção que há em Cristo Jesus” (Romanos 3: 23-24). “Porque o Filho do Homem não veio para ser servido, mas para servir e dar a vida como resgate por muitos” (Marcos 10:45).

Jesus era justo

Embora fosse Deus, Jesus nasceu como homem, pela virgem Maria. Quando Ele cresceu, depois de três anos ensinando, pregando, curando doentes e treinando Seus discípulos, Ele foi preso e morto em uma cruz, mesmo sem que nunca tivesse pecado. Deus permitiu isso porque era Seu plano que Jesus, o Filho de Deus, levasse o castigo por todos e fosse nosso salvador (aquele que nos salva).

Jesus é o nosso salvador

Deus convida todos a aceitar o plano de Deus e serem salvos do castigo eterno. Todo aquele que pede a Deus que o perdoe por sua rebelião contra Ele será salvo do castigo eterno. “Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho único, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna. Pois Deus não enviou Seu Filho ao mundo para condenar o mundo, mas para que o mundo fosse salvo por meio dele. Quem crê nEle não é condenado, mas quem não crê já está condenado, porque não creu no nome do único Filho de Deus ”(João 3: 16-18).

Jesus deve ser adorado

Jesus é Deus e nosso salvador e, por isso, ele merece ser adorado. “Portanto, Deus o exaltou altamente e concedeu a Ele o nome que está acima de todo nome, para que, ao nome de Jesus, todo o joelho se dobre, no céu, na terra e debaixo da terra, e toda língua confesse que Jesus Cristo é o Senhor, para a glória de Deus Pai ”(Filipenses 2: 9-11).

Jesus é juiz

Deus nos disse que o mundo chegará ao fim e, quando isso acontecer, Jesus julgará a todos, com base em ter pedido que Ele fosse seu salvador, aceitou Sua morte como a punição que merecia. “E Ele nos ordenou que pregássemos ao povo e testificássemos que Ele era o escolhido por Deus para julgar os vivos e os mortos” (Atos 10:42). “Portanto, todos devemos comparecer perante o tribunal de Cristo” (2 Coríntios 5:10).

Sumário

Há muito mais coisas que a Bíblia nos diz sobre Jesus, mas essas são as coisas básicas. Para aqueles de nós que pedimos que Ele nos perdoe, Ele nos perdoa e nos purifica, mas faz muito mais. Podemos conhecê-Lo como nosso professor, amigo e guia. Ele nos ajuda a entender a Bíblia, e nos mudará para nos tornarmos cada vez mais parecidos com Ele.

 

Compartilhar postagem

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email