Quem foi Abraão?

Abraham

Abraão é mencionado com frequência na Bíblia. O livro de Gênesis registra a história de sua vida com muitos detalhes. Na verdade, há informações demais sobre Abraão para cobrir tudo em um artigo! Vou apenas mencionar alguns pontos importantes. Você pode ler toda a história sobre Abraão no livro bíblico de Gênesis, capítulos 12 a 25. Mais tarde, ele é frequentemente referido como um dos patriarcas de Israel. Ele é até chamado de “Abraão, que é o pai de todos nós”! (Romanos 4:16)

Contexto histórico

Abraão viveu por volta de 1800 aC (veja a linha do tempo). Ele nasceu em Ur, uma cidade no sul da Babilônia, mas durante a maior parte de sua vida viajou como um nômada na região que nos dias atuais é Israel. Deixar seu país natal foi uma ordem explícita de Deus a Abraão.

O Senhor disse-lhe: “Sai do teu país e da tua parentela e da casa do teu pai para a terra que te mostrarei. E farei de ti uma grande nação, e te abençoarei e engrandecerei o teu nome, para que sejas uma bênção. Abençoarei aqueles que te abençoarem e amaldiçoarei aquele que te desonrar, e em ti serão benditas todas as famílias da terra ”(Génesis 12: 1-3).

Esta promessa foi o início do relacionamento especial de Deus com os descendentes de Abraão, o povo de Israel. Ele encontrou seu cumprimento final em Jesus Cristo, um descendente de Abraão e a bênção suprema para todas as nações da terra.

Abraão teve que esperar muito tempo

Deus chamou Abraão quando ele tinha 75 anos. Naquela época, Abraão e sua esposa não tinham filhos. E, no entanto, Deus havia prometido multiplicá-lo … Aquilo foi uma luta para Abraão, e ele até tentou resolver o problema sozinho casando-se com uma de suas servas e tendo um filho com ela. Mas em várias ocasiões, Deus o reassegurou de Sua promessa. A Bíblia nos dá uma visão íntima dos encontros de Abraão com o Senhor, por exemplo em Gênesis 15: 1-6.

“Depois destas coisas veio a palavra do SENHOR a Abrão em visão, dizendo: Não temas, Abrão, eu sou o teu escudo, o teu grandíssimo galardão.
Então disse Abrão: Senhor DEUS, que me hás de dar, pois ando sem filhos, e o mordomo da minha casa é o damasceno Eliézer?
Disse mais Abrão: Eis que não me tens dado filhos, e eis que um nascido na minha casa será o meu herdeiro.
E eis que veio a palavra do Senhor a ele dizendo: Este não será o teu herdeiro; mas aquele que de tuas entranhas sair, este será o teu herdeiro.
Então o levou fora, e disse: Olha agora para os céus, e conta as estrelas, se as podes contar. E disse-lhe: Assim será a tua descendência.
E creu ele no Senhor, e imputou-lhe isto por justiça. ”

Finalmente, quando Abraão tinha 100 anos, sua esposa Sara deu-lhe um filho. A carta Aos Hebreus resume: “E assim, Abraão, tendo esperado pacientemente, alcançou a promessa” (Hebreus 6:15).

Abraão como exemplo de fé

No Novo Testamento, Abraão é mencionado como um exemplo de fé: “Pela fé Abraão obedeceu quando foi chamado para ir a um lugar que iria receber como herança. E saiu, sem saber para onde ia ”(Hebreus 11: 8-10). Mais tarde em sua vida, quando seu filho Isaque nasceu, a fé de Abraão foi testada mais uma vez.

Deus disse a Abraão: “Pega no teu filho, o teu único filho, Isaque, a quem amas, e vai à terra de Moriá, e oferece-o ali como holocausto numa das montanhas das quais te hei de falar” (Gênesis 22: 2). Esse deve ter sido o momento mais difícil da vida de Abraão. Mas sua fé em Deus era mais forte do que suas dúvidas e resistência.

(Hebreus 11: 17-19).“Pela fé ofereceu Abraão a Isaque, quando foi provado; sim, aquele que recebera as promessas ofereceu o seu unigênito. Sendo-lhe dito: Em Isaque será chamada a tua descendência, considerou que Deus era poderoso para até dentre os mortos o ressuscitar;
E daí também em figura ele o recobrou.”

No final, Isaque foi salvo porque Deus providenciou um carneiro que foi oferecido no lugar do menino. Esta é uma imagem poderosa da morte expiatória de Jesus por todos os crentes – incluindo Abraão.

Abraão como pai dos judeus e de todos os crentes

Abraão, junto com seu filho Isaac e seu neto Jacó, é o patriarca do povo de Israel / os judeus. A aliança que Deus fez com Abraão foi passada às gerações posteriores e deu aos israelitas um lugar especial entre as nações. Eles tinham orgulho de ser descendentes de Abraão.

Mas Deus havia prometido que outras nações seriam abençoadas por meio de Abraão também, e isso foi cumprido pelo ministério de Jesus Cristo. Como o apóstolo Paulo explica: “Este mistério é que os gentios [os não judeus] são co-herdeiros, membros do mesmo corpo e participantes da promessa em Cristo Jesus por meio do evangelho” (Efésios 3: 6).

A maioria das pessoas não é descendente de Abraão no sentido biológico. Mas ele é chamado de “o pai de todos nós”, porque é um exemplo da fé salvadora que todos devemos seguir: “Por isso [= a promessa de bênção e salvação] depende da fé, para que a promessa possa descansar na graça e ser garantida a todos os seus descendentes – não apenas para o cumpridor da lei, mas também para aquele que compartilha a fé de Abraão, que é o pai de todos nós, como está escrito, “Eu te constituí por pai de muitas nações ”(Romanos 4: 16-17).

Algumas lições para nós

  • Abraão teve que esperar muito tempo antes de finalmente ter um filho. Naquela época, ele e sua esposa eram tão velhos que era naturalmente impossível ter filhos. E ainda assim, Deus cumpriu Sua promessa! Se alguma vez tivermos que esperar que Deus cumpra Suas promessas, vamos nos lembrar da história de Abraão e continuar confiando no Senhor.
  • A fé de Abraão não era perfeita. Às vezes ele se desesperava ou fazia escolhas erradas. Por exemplo, quando ele se casou com sua serva Hagar para ter um filho com ela, ou quando ele disse que sua esposa era apenas sua irmã, de modo que Faraó a tomou por esposa (Gênesis 12: 10-20). Mas o resumo de sua vida é: “Creu Abraão em Deus, e isso lhe foi imputado como justiça” (Romanos 4: 3). Vamos tomar a fé de Abraão como um exemplo inspirador!
  • A história de vida de Abraão mostra a fidelidade de Deus. Mesmo quando Abraão estava em dúvida ou pecou, ​​Deus permaneceu fiel às Suas promessas. Ele deu um filho a Abraão e fez de Abraão uma bênção para todas as nações da terra.

Obrigado a GospelImages pela maravilhosa imagem ilustrativa

Compartilhar postagem

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email